MAIS UM DIA DE LETRAMENTO FAMILIAR

Na terça-feira (29/05/2012) na Escola Municipal José Horácio de Góis, contamos com a presença de mais três mães, que se integram ao nosso grupo de colaboradores para construção da “I FEIRA DA LINGUAGEM”. Constitui-se hoje, um total de cinco mães participantes do projeto na escola de Guanduba (município de São Gonçalo do Amarante), todas contribuintes para o crescimento conjunto da aprendizagem de seus respectivos filhos, assim como daqueles que por causas de força maior, os pais não podem comparecer as aulas.

Nessemesmo dia, trabalhamos com o “gênero crônica”.  Primeiramente, apresentamos duas crônicas aos alunos (Outros tempos – A bola, de Luis Fernando Veríssimo, e Uma lição inesperada, de João Anzanello Carrascoza) e, após a leitura, abrimos uma discussão sobre os textos, enfatizando as características que são ou não compartilhadas por eles.

Em um segundo momento, pedimos aos alunos que formassem grupos para a escrita de crônicas cujas temáticas deveriam se voltar para a dengue ou para as drogas, tendo em vista que esses são os dois assuntos que serão abordados na nossa feira. Os grupos foram feitos, porque há estudantes que ainda não sabem escrever. Levando isso em consideração, em cada grupo, uma pessoa alfabetizada (as mães ou os próprios alunos) assumiu a escrita da crônica, já as demais contribuíram dando as ideias.

Observamos que o envolvimento dos pais está cada vez mais intenso, uma vez que se envolveram ativamente das atividades. Ainda nesse dia, elaboramos uma atividade para casa, em que solicitamos aos alunos que recolhessem relatos de parentes, vizinhos ou amigos sobre a dependência química ou sobre casos de dengue. É claro que antes dessa proposta, esse gênero textual também foi apresentado.

ELABORANDO O COMUNICADO PARA OS PAIS

A primeira criação dos alunos da professora Vanuza foi o comunicado, nele, nós solicitamos aos pais para que comparecessem a reunião de pais e mestres do dia 10 de maio. Como alunos empenhados e comprometidos com os estudos, eles participaram da elaboração do comunicado.

O PRIMEIRO ENCONTRO COM OS ALUNOS DO 4º ANO DA E. M. JOSÉ HORÁCIO DE GÓIS

Em nosso primeiro encontro com os alunos da turma de 4º ano da Escola Municipal José Horácio de Góis fizemos algumas perguntas aos alunos para confirmar o que já aviamos constatado com a aplicação dos questionários, em que os problemas mais recorrentes na comunidade são as drogas e alto índice de dengue. Tomando como problemática as duas temáticas (Dengue e Drogas), optamos por trabalhar juntamente com os alunos e os seus respectivos pais, na elaboração de uma feira da linguagem.

Neste mesmo dia, compartilhamos com turma conhecimentos a cerca das temáticas a serem trabalhadas, assistimos vídeos e debatemos sobre o assunto, durante a discussão percebemos o conhecimento apurado que eles possuem, o que nos impressionou muito.  Após esse breve conhecimento sobre os alunos, ficamos prontos para elaborar nossos próximos encontros.